Páginas

quarta-feira, 12 de março de 2008

ganhe ingressos para o filme 'fim da linha'

parece que deu certo o lance de dar ingressos aqui no blogue. o filme 'meu nome não é johnny' virou sucesso de público e até hoje está em cartaz, tudo por causa do .condussão.

selton melo me agradeceu, cleo me agradeceu, cássia me ligou, até o johnny veio falar comigo e agradecer a força.

tá, é mentira, mas a produtora gostou e pediu outra promoção, dessa vez para o filme 'fim da linha', de gustavo steinberg.
.

ainda não vi o filme, então reproduzo o a sinopse:

"Trata-se de uma metáfora tensa e bem humorada das dificuldades e dilemas de uma sociedade estruturada sobre a fé no poder do dinheiro. Os destinos e diversos personagens – político corrupto, jornalista, advogada, motoristas de táxi, catador de papel, ladra surda-muda, bebê sequestrado, grupo de velhinhos de um asilo e tribo de índios – se cruzam quando acontece uma chuva de dinheiro no centro da cidade de São Paulo".

o metrô fez uma promoção e eu vou copiar na cara dura...

os primeiros que comentarem no blogue dizendo o que fariam se chovesse dinheiro, vão ganhar ingressos para o filme, certo? se o número de participantes for maior que o número de ingressos, eu vejo o que faço depois...

o resultado sai dia 14/03.

.
.
.

17 comentários:

Fox disse...

Eu! Eu! Eu!!!!
Eu quero ingresso!!!
Bom, se chovesse dinheiro, com certeza eu iria tomar banho de chuva!! Ganhei? Ganhei?
Você não disse pra dizer o que faria com o dinheiro, certo??? rsrs
Eeeeeeeeeeeeeeeee!!!!

Michele Prado disse...

se chovesse dinheiro eu não abriria o guarda-chuva de jeito nenhum.

aê, essa valeu? quero ingressoooo!

disse...

Se chovesse dinheiro, eu sairia na rua com todos os baldes que aguentesse carregar e encheria de "chuva", talvez fosse de carro pra caber mais...hehe

Cadê meu ingresso?

luca de oliveira. disse...

fala .lucas,

como eu sou um menino esperto e penso no futuro... eu cavaria um buraco no quintal de casa e regaria nos dias seguintes. pois de choveu dinheiro, poderia muito bem nascer um pézinho de notas de cem lá em casa. pagaria outback pra todo mundo em época de colheita! loucura pouca é bobagem!

abraços,

luca.

Juliana Cruz disse...

antes tarde do q nunca, neh?

bom...considerando q so chove qdo estou na rua, não teria tempo pra achar baldes e cavar buracos, logo, carregaria meu guarda chuva ao contrario.

serviu?

praticidade 'pouca é bobagem.'
rs

um beijooooo

Juliana Cruz disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Marilia Ferreira disse...

Bom se começasse a chover dinheiro e tivesse sem guarda chuva, eu tiraria a roupa para poder guardar o dinehiro que esta suportasse...
Até dentro da calcinha...do soutien...

beijos

suelenvp@yahoo.com.br disse...

Eu ia dizer que iria cavar uma cisterna para acumular a "água da chuva", mas alguém já disse isso.

Então eu acho que chamaria família e amigos - quanto mais gente melhor - pra me ajudar a catar a notas. Depois a gente fazia a divisão igualmente entre todos. Aí eu acordaria e descobriria que tudo não passou de um sonho.

Mary Amélie Mauer disse...

Eu quero um par de ingressos!!

Bem, confesso que pensei pouco sobre o assunto, -até para não criar falsas esperanças de que um dia, isso pudesse acontecer de verdade- cheguei a conclusão que "se chovesse dinheiro" e estivesse lá para desfrutar, eu pegaria o suficiente para pagar minhas dividas e montar o meu negócio. Mesmo que pudesse pegar muito mais, não o faria.
Penso que ganância não é um bom sentimento e todos estão precisando pegar um dinheirinho -ainda que caia do céu- para ajeitar a sua vida. Se hoje, eu tivesse condições de pagar minhas dívidas e ainda tivesse verba para abrir um bom negócio, poderia ajudar a quem precisa dando emprego e logo dignidade. Isso vale muito mais que caridade e quem souber de alguma vaga na área de comunicação, me avisa que tô desempregada!

É isso!

Bjão

Gisele disse...

Se chovesse dinheiro, eu carregava um carro-pipa!

Seca nunca mais!

Lucas Maia disse...

Bom, se chovesse dinheiro... eu aproveitaria que as pessoas estavam eufóricas pegando o dinheiro e faria coisas legais, tipo correr pelado no meio da avenida...

Pegaria algumas notas, mas só de recordação.

Afinal, muito provavelmente o banco central iria criar uma nova moeda e toda a "chuva" de nada valeria.

Abraço. Legal seu blog.
ctd.lucasmaia@gmail.com

ASS. CULT. PHOTO CINE CLUBE CHAPARRAL disse...

Se chovesse dinheiro??? pensando bem, teria que ter alguma bolsa, sacola , sei lá e depois compraria equipamentos e caminhão para montar um cineclube intenerante. Quem sabe né, agora só quero os ingressos falou!!!
Charles Brait.....

claudia disse...

Bem, se chovesse dinheiro , com certeza ficaria muito rica, pois se ele vazasse, como vaza a chuva aqui em casa, so precisaria de meia hora de chuva, pra ficar bem.

Quero ingressoooooo, pois se consertar o telhado, com certeza não vai sobrar o do cinema.

CARLINHOS disse...

Gente preciso contar um segredo pra vocês:

"isso é mentira, não chove dinheiro"

Desculpa, mas senti a obrigação de contar a verdade. Não gosto de enganar ninguém... esse .Lucas é um mentiroso.

Calma não fiquem deprimidos... EU tenho uma clinica de reabilitação e cobro super baratinho nesses casos, ok?


rs!

.lucas guedes disse...

êta povo criativo, hein... rs.

bom, a promoção já acabou... :-(

amanhã eu falo os nomes dos ganhadores, ok?!

.

Gabriele Fidalgo disse...

Putaquepariu cheguei atrasada aqui. Vim comentar exatamente quando você disse que a promoção acabou. Ô beleza!

Mas eu vou responder mesmo assim... rs

Eu iria direto para algum lugar onde sempre tem enchente! Mas, na boa, imagina a zona que isso iria ser!

Se não der para ganhar o ingresso dessa vez, ok. Só manda um beijo pro Selton Mello quando ele te ligar de novo, e tudo bem. heh

:*

Presuntinho disse...

Cheguei tarde para caralho! Muitas respostas criativas, difícil mesmo de querer disputar... Mas já que cheguei tarde, e perdi a chuva de dinheiro, pediria para S. Pedro agora jogar rosas, pois o que houve de gente egoísta durante esta chuva... Vamos precisar agora de mais amor. Dinheiro corrompe!

Victor Quaresma