Páginas

segunda-feira, 24 de março de 2008

aqueles três



07 – INTERNA/NOITE/COZINHA


Geladeira antiga e vermelha, fogão velho e sujo, chão de piso azul, paredes com azuleijos brancos. Pia cheia de pratos, talheres e copos sujos. ANDRÉ, 30 anos, magro, vestindo bermuda e regata, lava a louça, enquanto FÁBIO, 40 anos, musculoso, de calça jeans, meias e sem camisa, fuma próximo à porta, de costas para André. CAMILA, 18 anos, alta e magra, de camisola, sentada sob à mesa, bebe cerveja na garrafa e faz palavras cruzadas.


ANDRÉ
É. Talvez eu não sou mais ou talvez nunca tenha sido aquele cara legal que você conheceu há uns meses.


Fábio e Camila olham para André, que fala enquanto lava a louça.


ANDRÉ
Talvez você tenha razão em me achar complicado. Sempre faço drama com coisas simples e às vezes te cobro demais, eu sei.


Fábio, irritado, olha novamente para André e solta fumaça do cigarro em direção a ele. Camila levanta, deixa a revista de palavras cruzadas e a garrafa vazia sobre a mesa, pega outra garrafa de cerveja na geladeira, abre, dá um gole e se aproxima de André.

CAMILA
Eu não te dei aquele livro com segundas intenções, tá? Só queria que lesse, não quero te impôr nada, nada.


André fecha a torneira, enxuga as mãos na regata, igonora Camila e encara Fábio.


ANDRÉ
E pode ficar com as meias.


FÁBIO
Que meias?


ANDRÉ
As minhas, que estão nos seus pés.
.
.
.

2 comentários:

Juliana Cruz disse...

muito bom. rs. fragmentos...

Fox disse...

Pffffffff...
vc é criativo assim ou tirou de algum lugar? rs
Precisamos andar mais juntos!
Amei!