Páginas

sábado, 8 de dezembro de 2007

fabiana cozza

a primeira vez que vi fabiana cozza foi no bem brasil, quando ainda era gravado no sesc interlagos. para minha surpresa, lá estava meu professor de percussão, tocando com ela. ao vivo mesmo, só em julho de 2006, no prêmio visa, lá no sesc vila mariana. na verdade só fui lá pra ver um colega, o celso sim, que também ia interpretar algumas canções concorrentes do compositor mário sève. neste dia ela cantou uma música do leandro medina, que confesso, me deixou dividido na hora de votar. ela cantou tão bem, tão emocionada, com tanta técnica. e a música é tão fina, deliciosa. se eu não me engano, ela dividiu uma música com a ceumar. sim, acho que foi isso. bom, a tal música do leandro medina chama-se xangô te xinga e ficou martelando na cabeça por muito tempo, mas nunca tinha achado nada, nem na internet. [na verdade não sei se foi esta música, mas se não foi, tudo bem]

pra encurtar a história, a música não ganhou o prêmio, mas ouvi o cd (o samba é meu dom) e fiquei fã de fabiana.

outro colega, o marcelino, chamou pra vê-la num shopping ao lado de casa e fui. inesquecível show com joão bosco.

depois teve o lançamento dos cantos negreiros no meio do ano e recentemente, a balada literária e a roda de samba no ó do borogodó.

suficiente para gostar cada vez mais.

.

Um comentário:

disse...

Fabiana, divina!